Descrição

Esta obra, subscrita por oito Delegados integrantes da Polícia Judiciária Civil brasileira e um Doutor da Universidade do Porto, Portugal, apresenta temas contemporâneos e poucos explorados doutrinariamente, com profundidade ímpar.
Vivemos no tempo em que a segurança pública, e mais precisamente, as atividades policiais, necessitam de uma ótica mais aguçada – não daqueles que estão no conforto de suas cadeiras e salas de ar-condicionado, ignorando os perigos e nuances da criminalidade moderna -, mas daqueles que estão dentro da atividade policial diretamente, e não apenas uma visão tradicional.
Neste livro, os temas ganham eco e projeção jurídica através dos autores que o compõe. Percebe-se que para o enfrentamento do crime organizado e da criminalidade contemporânea, métodos tradicionais e clássicos não atendem mais os reclames de uma investigação criminal. É salutar que o intérprete saia do próprio conforto e repense na interpretação jurídica sob os holofotes de uma investigação policial moldada dentro dos limites e parâmetros constitucionais.
Confira como os coautores aqui fazem uma incursão em temas espinhosos como:
• Limites da premiação na colaboração premiada;
• Impossibilidade da impugnação do acordo de colaboração premiada;
• Capacidade postulatória do Delegado de Polícia;
• Polêmicas do furto de semoventes, abate de criminosos por snipers, tipificação de exigir da vítima fotografias ou vídeos desnudos pela internet, princípio do delegado natural.
• O Delegado de Polícia pratica crime de hermenêutica?

Reviews

Avaliações

Não há comentários ainda.

Seja o primeiro a avaliar “Tratado Contemporâneo de polícia judiciária”

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Editorial Review

James Maxwell grew up in the scenic Bay of Islands, New Zealand, and was educated in Australia. Devouring fantasy and science-fiction classics from an early age, his love for books translated to a passion for writing, which he began at the age of eleven.

Inspired by the natural beauty around him but also by a strong interest in history, he decided in his twenties to see the world. He relocated to London and then to Thailand, Mexico, Austria, and Malta, developing a lifelong obsession with travel. It was while living in Thailand that he seriously took up writing again, producing his first full-length novel, Enchantress, the first of four titles in his internationally bestselling Evermen Saga.